Como ter um marido que a admira

Construa uma vida de oração organizada,

cheia de fé, poder e sabedoria...

==> Clique aqui para saber mais <==

0 Flares 0 Flares ×

Você quer um marido que a admira? Que a trate bem e a elogie, como no versículo abaixo?


Enlevaste-me o coração, minha irmã, minha esposa; enlevaste-me o coração com um dos teus olhares, com um colar do teu pescoço.Que belos são os teus amores, minha irmã, esposa minha! Quanto melhor é o teu amor do que o vinho! E o aroma dos teus unguentos do que o de todas as especiarias! Favos de mel manam dos teus lábios, minha esposa! Mel e leite estão debaixo da tua língua, e o cheiro dos teus vestidos é como o cheiro do Líbano.
Cânticos 4:8-13


Então procure saber o que ele gosta, o que lhe agrada. E faça-se admirável.

Em minha jornada cristã já me deparei com muitas situações entre casais. Já ouvi dezenas de esposas expondo a vida conjugal, reclamando dos maridos. E já percebi algo que comum.

As esposas que  menos se importam em agradar o marido, são as que mais reclamam que ele não nutre mais interesse por elas. Ou seja, as esposas que menos se preocupam em ser verdadeiramente agradáveis, como Provérbios 31:12 ensina, são as que mais se ressentem da frieza dos maridos. Será mera coincidência?

Normalmente, quando nos casamos, temos com o cônjuge um conjunto de afinidades. São algumas coisas em comum das quais gostamos e que acabam nos atraindo. Pode ser um hobby, uma profissão, um time de futebol, ou várias coisas juntas.

Porém, depois do casamento, a rotina e a nova realidade vão engolindo muitos desses interesses. Chega um momento em que os cônjuges já se consideram dois estranhos. Já não têm mais nada em comum. Cada um seguiu um caminho diferente. Daí o interesse de um pelo outro se esfria.

Isso é particularmente real quando a esposa se converte e o marido não. Então, se os dois gostavam de ir ao barzinho, agora ela acha que não deve mais. Se gostavam de visitar determinados amigos, ela acha que já não são mais convenientes.

E assim, cada um vai emergindo em seu próprio mundo, tentando convencer o outro de que o seu caminho é o melhor. Isso não costuma dar muito certo.


Porventura andarão dois juntos, se não estiverem de acordo? Amós 3:3


Quando acabam o respeito e a admiração

 

Costumo pensar que há duas coisas extremamente importantes em um casamento. São elas: o respeito e a admiração. Quando elas falham, normalmente o casal entra em colapso.

O respeito e a admiração são as ligas que mantém o casal unido. E a melhor maneira de manter-se respeitável e admirável, é respeitando e admirando seu marido.

Dale Carnegie, excelente autor norte-americano na área de desenvolvimento pessoal, ensina que a melhor maneira de conquistar alguém é: fazer essa pessoa se sentir importante. E nós fazemos o cônjuge se sentir importante, quando nos importamos com os desejos dele.

O que fazer, então, para tornar-se ou manter-se admirável para seu cônjuge

 

Converse com ele, procure observar, entender do que ele gosta. Entender pelo que ele se atrai. E, na medida do possível (quando não for pecado), procure atender suas expectativas. Ou seja, faça ou seja aquilo que ele acha interessante.

Isso é respeitar o outro. Dar valor a sua opinião e aos seus desejos.

Se você conseguir fazer isso com graça e sabedoria, manterá sempre pontos de interesse em seu relacionamento.

Lembre-se: estar bem casada é estar sempre construindo algo. É estar negociando, abrindo mão e também fazendo exigências pertinentes. Casamentos são constantes trocas.

 

Procure saber o que seu marido admira (ou está admirando).. Muitas vezes precisamos parar de julgar e criticar e aprender a ouvir e respeitar. Nós, cristãs, temos especial dificuldade em relação a isso.

 

Pense a respeito. Será que há coisas que você pode fazer, e que a tornará mais interessante para seu marido? Isso o ajudará a admirá-la mais? Então, faça. Esforce-se. Lembre-se de Cristo.

 

Porque Eu, o Messias, não vim para ser servido, mas para servir, e dar a minha vida por muitos. Mateus 20:28

 

Um erro bastante comum

 

Um erro bastante comum nos casamentos é que um cônjuge normalmente espera que o outro atenda suas expectativas. E, não raras vezes, ele próprio não se esforça para atender às expectativas do companheiro.

 

Tanto os maridos quanto as esposas precisam entender a necessidade do outro. Precisam respeitar isso de forma profunda e decidida. Precisam aprender a abrir mão  do “ meu jeito é o certo”. Ou simplesmente: a necessidade da família são maiores que as suas.

 

Embora casados, somos também indivíduos. E manter isso em mente nos preserva de muitos desgastes. Procure entender o que o seu marido, como indivíduo, gosta e admira. E, na medida do possível, procure atendê-lo.  Isso, mesmo com o passar dos anos, fará de você uma esposa mais interessante e admirável.

 

Reflita a respeito e deixe seu comentário. Você concorda com o que foi dito neste artigo? Sua opinião é importante, enriquece a discussão.

 

Deus a abençoe ricamente,

Mulher Sábia e Virtuosa

 

Imagens: gedfon.com

Artigo:
Postado em:
Classificado com:
5
0 Flares Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Autor(a): Cintia

Mulher Sábia e Virtuosa é cristã. Autora de vários livros, muitos deles presentes na seção PRODUTOS deste blog. Confira!

Compartilhe este artigo

Você também comete este erro bobo quando ora?

==> Clique aqui <==

8 Comentários

  1. Muito bacana! Eu acho tambem que o respeito e amor acabando o casal fica sem motivos para fica juntos. O poblema é manter essas duas coisas.

    Post a Reply
    • Tudo que é bom tem um preço.Obrigada pelo comentário. Abraços.

      Post a Reply
  2. É importante mesmo dar atenção ao marido, principalmente que tem muita mulher que só cobra, sem dar nada em troca.

    Post a Reply
    • Todo relacionamento é uma vida de mão dupla. Infelizmente muitas esposas acabam se tornando obsessivas em cobrar e econômicas em cativar. Em breve lançarei um material muito bom sobre isso. Aguarde.

      Post a Reply
  3. Interesante o artigo, más pra mim não devería só estar focado no marido..pois bem poderiamos ser nos mulheres, as q Precisarmos ser entendidas, e q nossos maridos façam coisas pra nos agradar… demostrar respeito e atenção, nos detalles na vida cotidiana.
    Obrigada

    Post a Reply
    • Oi Nat, compreendo seu ponto de vista. E concordo. Mas este é um blog para mulheres. Até já escrevi algumas coisas para maridos, porém acabei tirando do ar…

      Não é um blog genérico para casamento. O foco é o comportamento da esposa. E claro, há sempre uma importante contrapartida. Mas a premissa aqui é Provérbios 14:1: a mulher sábia edifica um lar.

      Aliás, este é um dos pilares do MESV, livro aqui do blog. O ser proativa… minhas alunas aprendem a colocar cada vez menos expectativas em tudo que lhes é externo..

      A princípio pode parecer um conceito estranho, porém, compreendido e posto em prática, revela-se altamente libertador e promotor de felicidade.

      Mas acolho seu ponto de vista…

      Deus a abençoe ricamente.

      Post a Reply
  4. Muito edificante cada ensinamento. espero aprender muito com seu blog e ser cada vez mais edificada e ainda contar meu testemunho.

    Post a Reply
    • Legal Bianka… entre para o time de mulheres que têm grandes testemunhos para contar… Desejo-lhe sucesso. Deus a abençoe ricamente.

      Post a Reply

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Aprenda a orar com mais fé, disciplina, sabedoria e poder CLIQUE AQUI ! A verdade liberta...
0 Flares Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×